Postagens

Mostrando postagens de 2007

Inferno Religioso

Imagem
Parece que um dos pilares existenciais do inferno é o engano.
Designado como seu principal mentor, o diabo é apresentado pelos escritores bíblicos com sutilezas e requintes da enganação. Ironicamente um verdadeiro mentiroso.
Pelas descrições bíblicas não se pode considerar assustador dizer que na placa do inferno estaria escrito céu, e no crachá do diabo, Jesus.
Não é à toa que Jesus disse que outro viria dizendo ser ele, e João o chama de anticristo.

Aprendemos a identificar e dar crédito às coisas pelos nomes que elas recebem.
Salvo engano, a placa indicativa de um estabelecimento informa o que se encontra dentro. Sabemos sua atividade e principais características de interesse.
Ninguém adquire um litro de leite esperando um Peróxido de Hidrogênio (H2O2- água oxigenada).
Damos créditos aos conteúdos pelos seus rótulos.
Quando o rótulo sugere uma idéia e o conteúdo difere completamente, temos o engano. De imediato se denuncia a mentira. Propaganda enganosa é crime, e falsidade ideo…

Uma Frase Para a Alma

Imagem
" E nenhum Grande Inquisidor tem prontas tão terríveis torturas como a ansiedade tem; e nenhum espião sabe como atacar mais inteligentemente o homem de quem ele suspeita, escolhendo o instante em que ele está mais fraco; ou sabe onde colocar armadilhas em que ele será pego e enredado, como ansiedade sabe e nenhum juiz é mais esperto e sabe interrogar melhor, examinar, acusar como ansiedade sabe, e nunca o deixa (a vítima) escapar, nem através de distrações, nem através de barulhos, nem divertindo, nem brincando, nem de dia nem de noite..."


Soren Kierkegaard, The Concept of Dread

UMA RESPOSTA PARA O SOFRIMENTO.

Imagem
No terrível quadro da crucificação, ouve-se do meio das trevas que cobrem a terra, o clamor de um condenado: “Jesus, lembra-te de mim quando entrares no teu Reino”.
Diante de um pedido excruciante, mas de grande demonstração de fé, Jesus contrariou qualquer expectativa humana sobre seu ser divino e cheio de compaixão. Não realizou um milagre, não eliminou a dor e não libertou o homem da cruz.

A exata expressão de Deus, aquele que traz em si mesmo toda a plenitude divina, teria perdido a maior oportunidade evangelística da história?
Com a soma de ingredientes imprescindíveis para se ganhar almas: uma multidão ansiosa por milagres e disposta a se curvar diante de tal poder e um homem cheio de fé angustiando sofrimentos, bastava um pequeno milagre. Ainda assim, Jesus nada fez para pelo menos aliviar a dor.
Ele categoricamente convidou o moribundo a desfrutar de sua eterna comunhão, Eu lhe garanto: Hoje você estará comigo no paraíso”.
Jesus não fez promessas temporárias. Por isso não se perce…

ATEÍSMO RELIGIOSO - Às voltas com a Serpente

Imagem
Quando se lê o relato do Paraíso Edênico claramente se percebe Deus inserido na humanidade. Um ambiente do Deus Emanuel. Não se trata apenas de Deus entrando na história, mas muito mais profundo contempla-se a história de Deus.

O Eterno Criador se volta a cada dia para com a Finita Criatura. É sábado! Fim dos atos poderosos de Deus e início dos atos humanos. “Aquilo que o homem fizer será”(Gn 2:19).
Com uma simplicidade nada usual para uma divindade, simplesmente se faz presente. Não realiza mais milagres e não age sobrenaturalmente para que a vida se perpetue ou para que a Terra continue seu processo de desenvolvimento. Entrega-a nas mãos dos homens para que construam o seu futuro.

A realidade do sábado anuncia que Deus parou com seus atos poderosos, para permanecer junto da criatura. A vida está posta na mesa do cosmos. “Tudo foi assim concluído”(Gn 2:1).
Sem cansaço e como quem descansa, rotineiramente Deus se manifesta com ações tão naturais que surpreenderiam qualquer divindade. Ele …

Nossa Igreja e as novas heresias (Desabafo de um adolescente)

Imagem
(Texto produzido por Bruno Reikdal - 18 anos)

O que foi tornará a ser, o que foi feito se fará novamente; não há nada novo debaixo do sol. Haverá algo de que se possa dizer: "Veja! Isto é novo!"? Não! Já existiu há muito tempo, bem antes da nossa época. (Eclesiastes 1:9-10)

Heresia. De acordo com o Dicionário Aurélio:
1- Doutrina contrária à que foi definida pela Igreja em matéria de fé.
2 - Contra-senso, absurdo. Herege de acordo também com o dicionário, o que professa heresia.

Durante séculos, nós, protestantes, cristãos reformados ou até mesmo filhos da Reforma, fomos perseguidos e acusados como hereges por uma Igreja corrompida, sem valores, que buscou apenas conquistar poder através da fé, tradições e dogmas que consideramos errados, e assim o conseguiu.
Mas nós reformadores, protestantes nos mantivemos fortes. Não deixamos a causa, lutamos para mudar a teologia católica vigente na época. Conseguimos! Derrubamos o pensamento opressor que nos tratou como hereges, infiéis e sem…

Agradecimento aos antiGondim

Imagem
Quero agradecer pelos excelentes serviços prestados ao meu cristianismo, a todos os apóstolos, bispos, pastores e auxiliares, dirigentes de igrejas, nobres chanceleres, augustos doutores em divindades, calvinistas e arminianos.
Não me esquecendo daqueles que para preservarem sua imagem diante da inquisição teológica, preferem abandonar a caminhada e também a todos os que compreendem as desgraças do mundo como decretos divinos.
Enfim, muito obrigado a todos os que em oposição ao Gondim têm acendido a fogueira da idade média, dando a alguns evangélicos a oportunidade teológica de terem um inimigo para manifestarem os verdadeiros valores de seus corações e as destrutivas obras de suas crenças.

Quando soube dos defensores da verdade com camisetas e um “panelaço” antiGondim na porta da igreja que ele gastou sua vida, tempo e família para ensinar o evangelho. Quando vi pessoas que nunca souberam de absolutamente nada da Betesda, mas em função de seus super títulos se sentem com a prerrogativa …

MATAR OU MORRER PELA VERDADE?

Imagem
Para um amigo.

Lusco-fusco do dia, o fogo crepitante projeta a luz na face dos pescadores e cria um limiar para a sombra da noite que os envolve como um manto suave.
Volto ao passado e ouço entre os titubeantes murmúrios, Pedro em um sobressalto, fazer sua contundente declaração mais anticlerical possível de seu tempo: - “Tu és o Cristo, o Filho do Deus vivo”.
Mal sabia o pobre pescador que esta conversa informal, confessada em segredo, extrapolada o pequeno grupo, causaria a morte violenta de todos. Menos um!

De volta ao futuro, vejo-me em minha igreja, ombreado por um amigo, que entre livros e com o arroubo de um idealista esperançoso por transformações radicais diz como que um trocadilho:
- “O único Deus conhecível é um homem”.

Atordoado, com esta declaração intrigo-me em minha mente.
Eu, alguém de um Tempo sempre Pós; concílios, sínodos, postulados e credos, sei que nEle habita corporalmente toda plenitude.
Não cabe pensar no Deus invisível, inacessível e outros “vels” mais, como um simpl…

AO MEU QUERIDO PAI Vicente Batista (in memorian)

Imagem
O VI CENTEnas de vezes orando de madrugada; pelos enfermos e sendo curados; expelindo demônios


VICENTE BATISTA, ou melhor o Batista, que desmatando florestas de pecados estabelecia a clareira da paz com Deus, encaminhando novas criaturas para o trabalho do Reino Eterno

VI CENTEnas delas descendo às águas batismais e mergulhadas por ele nos rios paranaenses se levantarem glorificando a Deus nas línguas dos anjos

VI CENTElha de Deus na história de um pequeno homem, que curvou os grandes e me ensinou que o privilégio de servir a Deus não tem preço, por isso não busca paga nem aplausos humanos, não aguarda reconhecimento e que a alegria daqui é o fruto eterno; dali

VI SEM TEmer a morte, um homem jogado ao chão por ela, levantar suas esqueléticas mãos aos céus e na busca do ar rarefeito encher os pulmões e em um brado dizer:
“Jesus tu és maravilhoso, tu és lindo meu Jesus”

VI , SENTI; e como VI como SENTI...

Visitantes com rostos circunspetos entrarem naquele quarto, VI CENTEnas de segundos passa…

DE PAI PARA FILHA - ( em seus 15 anos)

Imagem
Se a mim fosse dado o direito de ser senhor do Tempo
E concedido o poder de pará-lo por um só momento.
Abriria mão de tal fascinante arte
Para não roubar de sua vida a melhor parte.

Deixaria correr, para você crescer, amadurecer,
Mas lutaria incansável para o tempo não destruí-la,
Quereria conservá-la, assim, meiga perto de mim.
Evitaria que a parte cruel do tempo marcasse um tento.

Tinhoso, teimoso e ladrão.
O egoísta do meu coração
Sempre quereria roubar
A possibilidade de a vida te levar.

Já dizia o poeta e eu inverto o falar
Eu é quem sou o rio, você é quem é o mar.
Eu, pai que se esforça em sarar a ferida.
Em mostrar-te querida e ensiná-la sempre amar.

Se proibido eu fosse de qualquer palavra outra dizer
Me esforçaria, lutaria até o instante de morrer
Para apenas seis palavras mais poder pronunciar:
EU SEI QUE VOU TE AMAR

Patinho Feio da Fé-não

Imagem
Nasci em um lar cristão e estudei em uma escola de freiras.
Algumas piadinhas, que alcunhavam minha família de “quebra-santos”, me informaram sobre minha fé não Católica Romana, mas Protestante.

Explicaram-me o grande cisma. A Reforma determinava o “lado” em que eu deveria ficar.
Vez por outra, uns murmúrios em uma língua não convencional denunciaram-me como “diferente”.
Protestantes prevenidos, apressadamente me indicaram um outro caminho. O meu “lado” Pentecostal quase não-protestante.

Parecera-me o fim do empurra.
Meus pares, protestados pelos Protestantes e Católicos, se consideravam mais espirituais.

Para variar, alguma coisa não se enquadrava. Apesar das línguas um “sotaque estranho” diferenciava-me. A manutenção da convivência com os não-pentecostais indicava a estranheza.
Diante do meu comportamento e convivência, com uma insistência viril apontaram-me Evangélico.

Lá fui eu de novo, só que bem mais localizado. Cristão-não-católico-quase-não-Protestante-Reformado-Pentecostal-Evangélico.

ÉS TRISTE; PECADOR!

É triste ver que a pequenez de um homem é a limitação de si mesmo,
Rodeado por muralhas de autoproteção, fecha seu coração, se aprisiona nos grilhões de seus sentimentos, e o seu carrasco é a liberdade do outro.

É triste saber que sua liberdade está na qualidade de suas relações, mas ele é incapaz de promover o bem ao próximo,
Saber que sua pequenez é proporcionalmente oposta à sua agressividade, sua manipulação,
Que quanto mais distante do outro, menor ele se torna e vive mediocremente.

É triste saber que sua mediocridade não está em ficar na média, mas sim, em tentar transpô-la às custas do outro e isto ser comum.

É triste saber que sua língua, um membro tão pequeno, capaz de construir grandes castelos, é mais usada para lavrar as mais tétricas catacumbas.

É triste saber que ele está rodeado de pessoas, cujos corações do outro lado das grades, o ouvem por educação, que suas palavras não lhes alcançam, pois o que ele diz é como o metal que retine, porque palavras sem amor são sons vazios.

É …