Postagens

Mostrando postagens de 2011

APENAS MAIS UM TEXTO SOBRE O FIM DE ANO

Imagem
Quando o ano se finda, o clima de festa anima a vida e “adrenalinam” os dias que nos remetem a muitas reflexões.
Um "quê" de encantamento no encerramento do ano é ser uma das poucas coisas cujo fim se deseja ansiosamente e marcado por alegria.  Um fim alegremente esperado?

Acredito que isto aconteça por duas questões.  Uma, o fato de o final do ano ser antecipado pelo Natal que nos convida à celebração da amizade e lembranças de nossos relacionamentos e outra, a certeza garantida pelo ciclo do tempo, de que ao acabar um ano, estamos diante de um Novo Ano.

Esplêndido este encaixe no calendário de um fim antecipado por um começo que marca um recomeço. O Natal – começo que marca o recomeço, antecipa o fim de ano que comunica uma nova possibilidade.

Para a espiritualidade cristã que delineia uma conexão “real com a realidade” três elementos são essenciais.
, ESPERANÇA e AMOR.

Quando enfrentamos nossos dias lutamos pela sobrevivência, lidamos com vales escuros e nos deparamos com mont…

CREDO DA LIBERDADE

Imagem

SEM IGREJA OU COM IGREJA?

Imagem
Apesar do IBOPE recentemente ter apresentado uma pesquisa de que a igreja ainda é uma das instituições mais bem cotadas no quesito de confiança social, acredito que haja hoje em dia uma desconfiança crescente em relação a Igrejas Evangélicas e certo ceticismo em relação aos sacerdotes das mesmas.
Porém, quando falo de desconfiança não o faço a partir da mesma base da pesquisa, mas de impressões internas, nascidas de encontros e diálogos religiosos.  Não pretendo que este texto tenha validade científica, apenas reflito.
A população pode dar um crédito positivo, mas parece que cada vez mais os próprios crentes não confiam em suas instituições.  Não há uma desistência da fé, mas há um abandono e aversão às instituições.
Não acredito que a causa do desencanto com a igreja seja teológica. A teologia, como justificativa para o afastamento é usada como uma espécie de racionalização da dor.  A natureza da causa é mais de cunho emocional, fruto de relacionamentos conflituosos, mas como é comum busc…

PARÁBOLA DA VIDA

Imagem
A vida da gente é semelhante a uma casa no campo. Rodeada de cores naturais pintadas sem pincel. O campo é a Vida de tudo o que vive, mas a casa, uma dádiva de Deus que nós construímos incrustada no meio de tudo o que vive.
Nela cultivamos um jardim. Sem intenções de capitalizar. Não o fazemos por ser terapêutico, por exemplo, mas fazemos porque na imitação do Criador que fez o Grande Jardim em que todos vivem, também queremos produzir o belo e o bom. Rodeamo-lo de uma pequena cerca, cujo objetivo é apenas proteger para que os animais não o destruam. Por isso não fazemos um muro. Não queremos nossa casa e nem o nosso jardim isolado, distante, mas participante.
Todas as manhãs, antes de irmos trabalhar o jardim, abrimos as janelas da casa. Queremos que a brisa que revigora a vida lá fora areje a vida aqui dentro. Deixamos as janelas abertas e assim aqui de dentro vemos tudo lá fora, e lá fora participa de tudo aqui dentro. Apesar da casa e do jardim serem obras nossas, tudo se integra. Tudo…

PERCEPÇÕES DE UMA IGREJA PARA HOJE

Imagem