Que bom que você veio!

Obrigado pela visita, deixe uma mensagem de sua passagem por aqui.

12.3.11

Justiça e Amor de Deus.


Para amar é necessário presença.
Impossível querer demonstrar e experimentar o amor sem envolvimento, sem acolhimento.
Por outro lado, para exercer a justiça se requer distanciamento, para que haja imparcialidade.
Quem se envolve ou tem algum grau de envolvimento inviabiliza o julgamento, pois automaticamente o amor falará mais forte. “O amor é mais forte que a morte”.

Justiça requer distância, amor requer presença.
Manter as duas em equilíbrio seria tentar unir duas realidades em extremos opostos, o que levaria a pessoa a uma escolha entre “frio ou quente” e passaria a ser “morno”. Situação recusável na espiritualidade cristã. Deus não é morno.

Quem escolhe entre amor ou justiça está escolhendo entre aqui ou lá, perto ou longe, presença ou distanciamento.
Fica aqui o desafio para que cada um escolha a que Deus servir: Deus presente ou deus ausente. Deus de dentro ou deus de fora.

Antes de qualquer outra coisa é bom salientar que o conceito de justiça apresentado inicialmente é este do senso comum, na figura de um juiz que por força do exercício do direito legal deve ser imparcial para sentenciar ou absolver ou réu.
Alguém poderia objetar e dizer: - Deus é Deus e pode concentrar em si mesmo coisas que na nossa cabeça não se encaixam, pois Ele é tudo, o equilíbrio de todas as coisas.
É verdade, Deus pode, apesar de saber que em se tratando do Deus cristão, o único Deus, não é uma questão de poder, mas de SER. Deus é.

Agora, devo então recordar, que Deus é amor e NOSSA justiça com a maior naturalidade, ou espiritualidade de seu ser, e, nos desafia a sermos também, desde que seja possível, pois Deus não exigiria de nós algo impossível.

Relembremos o óbvio, mas que pode ajudar na análise: O ímpio pratica impiedade, o justo pratica justiça.
Deus é justo, portanto seus atos, independente dos nossos, serão justos, pois Deus não deixa de ser quem é.
Quer dizer, se alguém fizer o mal, Deus fará o mal contra ele?
Deixaria suas obras de justiça em função da nossa maldade?
Só para recordar as palavras de Paulo: “se manifestou uma justiça que provém de Deus, independente da Lei”(Rm 3:21).
Pela Lei, “olho por olho e dente por dente”, mas pela justiça de Deus, pensemos...

O Livro de Isaías, conhecido como messiânico, nos traz algumas ideias sobre a justiça divina:

1 – Isaías 1: 17 aprendam a fazer o bem! Busquem a justiça, acabem com a opressão. Lutem pelos direitos do órfão, defendam a causa da viúva. (Buscar a justiça como acabar com a opressão, lutar pelos direitos dos frágeis; fazer o bem, que no caso matar é um mal)

2 – Isaías 5:7 ... Ele esperava justiça, mas houve derramamento de sangue; esperava retidão, mas ouviu gritos de aflição.(Justiça contrária à morte e à aflição, em defesa da vida)

3 – Isaías 10: 1-2 Ai daqueles que fazem leis injustas, que escrevem decretos opressores, para privar os pobres dos seus direitos e da justiça os oprimidos do meu povo, fazendo das viúvas sua presa e roubando dos órfãos! (Injustiça como privação do bem)

4 – Isaías 11: 3-4 E ele se inspirará no temor do SENHOR. Não julgará pela aparência, nem decidirá com base no que ouviu; mas com retidão julgará os necessitados, com justiça tomará decisões em favor dos pobres. (O julgamento de Deus é reto porque defende os necessitados – supre-os; justo, pois defende o pobre).

5 – Isaías 30: 18 Contudo, o SENHOR espera o momento de ser bondoso com vocês; ele ainda se levantará para mostrar-lhes compaixão. Pois o SENHOR é Deus de justiça. Como são felizes todos os que nele esperam! (Deus quer mostrar sua compaixão, porque é Deus de justiça)

6 – Isaías 42: 1-3 "Eis o meu servo, a quem sustento, o meu escolhido, em quem tenho prazer. Porei nele o meu Espírito, e ele trará justiça às nações. Não gritará nem clamará, nem erguerá a voz nas ruas. Não quebrará o caniço rachado, e não apagará o pavio fumegante. Com fidelidade fará justiça; (O messias traz justiça às nações. Como? Não aumentando sofrimento àquele que sofre, mas livrando-os)

7 – Ezequiel 22: 29 O povo da terra pratica extorsão e comete roubos; oprime os pobres e os necessitados e maltrata os estrangeiros, negando-lhes justiça. (Negação de justiça é oprimir o pobre, extorquir, roubar e maltratar o diferente)

8 – Miquéias 3:1-2...Vocês deveriam conhecer a justiça! Mas odeiam o bem e amam o mal; arrancam a pele do meu povo e a carne dos seus ossos. (Conhecer a justiça: amar o bem e odiar o mal).

9 – Zacarias 7: 9 "Assim diz o SENHOR dos Exércitos: Administrem a verdadeira justiça, mostrem misericórdia e compaixão uns para com os outros. ( Precisa dizer o que é uma verdadeira justiça? Pense em Deus exercendo sua justiça! como ela se manifestaria?)

Os textos por si só demonstram que justiça para Deus é fazer o bem, defender o fraco e oprimido, é se colocar ao lado do necessitado.
Jesus chamou a ajuda ao necessitado, de obras de justiça.
Segundo Paulo, (At 17) a prova de que Deus irá julgar o mundo com justiça é a ressurreição, isto é, Deus paga o mal - crucificação, com o bem - ressurreição.
No evangelho é revelada a justiça de Deus. O evangelho é a boa nova de que Deus salva o pecador.
No sacrifício de Cristo vemos a manifestação da justiça de Deus, não que ele tenha condenado seu Filho, mas porque perdoou os pecadores. Diante da rebeldia humana, Deus amou.
Feliz é o homem a quem Deus credita justiça, isto é perdoa seus pecados (Rm 4).

Matar inocentes, excluir o diferente, maltratar aquele que sofre seriam atos de um justo?
Por que feliz seria esperar a justiça do Senhor, se ele vier com ira destruidora?
Pois bem, a justiça que se revela na fé, crê que os enfermos são curados, os cegos vêem, os cativos são libertos. Haveria no exercício desta justiça algum sinal de que o pecador, na relação com Deus como figura do pobre, enfermo, cego e cativo, seria destruído? Aniquilado? Combatido? Aumentado seu sofrimento?
Pelo que me consta, a justiça de Deus é salvar, por isso o fruto da justiça é paz e bem aventurado aquele que nele espera.
Se Deus estiver contra o pecador, quem poderá ser salvo?

A justiça de Deus não opera pela Lei, é independente dela. A justiça de Deus opera pela graça. Se compreendermos isto, estaremos compreendendo o que significa “misericórdia quero e não sacrifícios”.
Mateus 9: 11-13 Vendo isso, os fariseus perguntaram aos discípulos dele: "Por que o mestre de vocês come com publicanos e 'pecadores'?" Ouvindo isso, Jesus disse: "Não são os que têm saúde que precisam de médico, mas sim os doentes. Vão aprender o que significa isto: 'Desejo misericórdia, não sacrifícios'. Pois eu não vim chamar justos, mas pecadores".

Eliel Batista

12 comentários:

  1. Sua visão do Evangelho é dicotomizada e parcial. Deus é também aquele que toma vingança contra o pecado e contra o mal. Na sua limitação e petulância, homens como o autor do presente texto querem ensinar a Deus o que é ser justo. Dá até dó...

    ResponderExcluir
  2. Olá Eliel. É sempre muito bom ler os seus textos.
    E esse, em especial, abriu algumas janelas no meu entendimento sobre a justiça de Deus. Obrigada rsrs

    ResponderExcluir
  3. Caro Marcos S. Soares,

    obrigado por sua visita e que bom usar de sua liberdade para comentar o texto. É sempre bom, ter gente manifestando-se.

    Apesar de minha limitação, concordo plenamente que Deus, o Pai de Nosso Senhor Jesus é antimal.
    É contra todo o tipo de mal e formas de pecado.

    É tão contra o pecado que deu o seu Filho para vencer na carne o pecado e libertar o pecador.Ele não suporta opressão e escravidão.

    É tão contra o mal que ordenou que se pague o mal com o bem, para que o mal não tenha força alguma.
    É radicalmente contra a morte, a ponto de nos dar a ressurreição.

    Quanto a querer ensinar a Deus, não posso concordar, estou apenas aprendendo um pouco sobre Ele. Sou de fato diferente de você que já sabe tudo sobre Deus, o que Ele pensa, sabe e faz e por isso pode ter pena de mim, e indiretamente me acusar de estar errado por não pensar segundo suas exatas, verdadeiras e legítmas definições de Deus.

    Agora, entre escolher sua definição de Deus e aquilo que vejo revelado em Jesus de Nazaré, o Cristo de Deus, acolho Jesus que que frustrando as verdadeiras definições farisaicas de que Deus mataria o pecador, colocou-se ao lado da mulher pega em flagrante adultério, a perdoou e dispensou-a em paz. Que quando os samaritanos recusaram-no o caminho e seus discípulos queriam fogo do céu, os repreendeu, pois eles não sabiam qual era o Espírito do Cristo, que não mata, mas salva. Com isto em mãos, jamais escolheria sua Divina Telogia.

    Infelizmente para sua decepção, não creio num Deus dicotomizado, que em Jesus se revela em toda a sua plenitude como salvador, mas fora dele seria um matador. Creio no Deus Uno, Salvador desde antes da fundação do mundo.

    Amo a esse Deus revelado em Cristo Jesus, por isso sou um seguidor com todas as minhas entranhas.
    Ele é diferente de todos os outros deuses caprichosos, que se sentem ameaçados com qualquer mudança nos caminhos humanos. Que precisa de teólogos para o defenderem, senão Ele deixa de ser quem é. Deus é Deus conforme revelado em Cristo Jesus: seguro, firme e salvador de todos os homens, principalmente dos fiéis, como diz Paulo.

    abraços e Paz sobre sua vida.

    ResponderExcluir
  4. Cara continue escrevendo seu texto esta maravilhoso ... agora tenho dó é desta turma que quer bater na tecla de justiça crua ..rsrs de justiça contra o pecado ...rsr só falam em justiça ... rs

    ResponderExcluir
  5. Muito bom Eliel. A resposta de Deus para o pecado e para o mal chama-se Jesus, é resposta de Amor.

    Abração.

    ResponderExcluir
  6. Marcio Viana7:24 PM

    Texto perfeito, pena que o ser humano quer espelhar em Deus o que ele entende por justiça.
    O Amor e a Graça de Deus são um pouco complexos para a mente finita e limitada de muitos!

    Forte abraço e saudades!

    ResponderExcluir
  7. Gisele8:03 PM

    Pastor Eliel, Pastor amigo de Deus.Que Deus possa sempre fazer chegar seu amor para seus filhos através de seus textos de sua vida. No reino de Jesus Cristo de Nazaré você tem sido motivo de
    benção e louvor ao Senhor Jesus Cristo. Deus pode contar contigo...Nós os ouvintes do programa
    " Reflexão " e todos os filhos de Deus temos
    uma grande alegria em poder falar: Jesus obrigada pela vida desse homem !!!
    Texto maravilhoso.

    ResponderExcluir
  8. Iracema8:35 PM

    Pastor Eliel,
    Os seus textos e suas pregações nos fazem refletir sobre a mensagem de Jesus. Através de suas palavras podemos sentir o quanto é sensível ao que sofre, o quanto é sensível a afetividade do ser humano. Em uma de suas últimas pregações "Ganhe a luta mais importante da vida" você fala sobre Davi e Golias e nos dá uma aula sobre a afetividade humana e sobre nossas fraquezas terrenas que só é superada pela grande força que encontramos em Jesus Cristo.

    Que bom que podemos contar com pessoas que tratam o cristianismo com essa categoria e excelência.

    Um grande abraço

    ResponderExcluir
  9. Gisele e Iracema,
    Bom tê-las por aqui e mais ainda com todo este carinho, sinto-me agraciado pelas palavras.
    Obrigado

    ResponderExcluir
  10. Pastor Eliel ler este texto ainda mais nos dias atuais ( falo a respeito deste movimento religioso evangeliques) que para meu ver são ruins pois, muitos seguimento religiosos fazem questão de inserirem o judaísmo, a lei, o merecimento, no cristianismo tentam ainda manipularem as pessoas.
    Louvo a Deus que ainda existem pessoas como você que nos faz refletirmos sobre a Graça de Deus e que ela por si só é auto suficiente pois como já vimos nas cartas paulinas qualquer coisa + Graça= invalida a Graça de Deus.

    ResponderExcluir
  11. Muito boa essa mensagem, tem gente que só pensa em um DEUS carrasco por fala em justiça,se esquece que o amor de DEUS PARA NÓS E JUSTO ,SE NÃO FOSSE O SACRIFICIO DE CRISTO NA CRUZ o que seria de nós.por não entender o conceito de justiça tem muitos que fazem uma pregação do qual o pessoal condena até os próprios irmãos pelo ato de ter cometido algo e diz :é a justiça de DEUS SE ESQUECE DO AMOR. VEJO AI EMPLANTADO EM ALGUMAS IGREJAS A FALTA DE HUMILDADE E AMOR POR ALGUMAS PREGAÇÕES SEM PENSA COMO DEUS PENSA. FICA COM DEUS MEU AMADO IRMÃO CONTINUE DESSE JEITO DE PENSA VEJO QUE EM SEU CORAÇÃO A AMOR DE DEUS . A JUSTIÇA DE DEUS É COM AMOR .DEUS ESTA DANDO OPORTUNIDADE AO IMPIO E A CONDENAÇÃO DOS PECADORES SERÃO O TERMINO DA OPORTUNIDADE MESMO ASSIM CREIO QUE DEUS O AMOU MESMO ATÉ O OTIMOA CHANCE .”SAMOS IMPERFEITO POR ISSO QUE AS VEZES PENSAMOS DO NOSSO FORMA CONDENANDO PENSADO QUE É A QUARTA PESSOA DA TRINDADE”

    ResponderExcluir
  12. Preciso de sua ajuda : Somos de um movimento para escrever a palavra Amor na bandeira do Brasil.
    Escrita em vermelho Brasil. Brasile . Breasil. Vermelho da nobreza mais alta ou em azul celeste.
    O azul celeste pode ser a estrela que representa o Belém do Pará.
    Vermelho = Príncipe
    vermelho = Príncipe da Paz
    Graças,
    Fernando Antônio Magalhaes - Muzambinho Minas Gerais Brasil

    ResponderExcluir

Não passe por aqui sem deixar seu registro. Ele sempre é benvindo e importante.